sexta-feira

Hora certa de deixar o emprego. Caso de sucesso.



http://png-free.blogspot.com.br/

Depois do post de ontem, "como ganhar dinheiro fazendo o que gosta", recebi muitas mensagens de pessoas relatando suas experiências e as mudanças em suas vidas. Um caso, em especial, me chamou muito a atenção, sobre um rapaz chamado Fernando, eu vou contar para vocês aqui, como a história dele pode servir de exemplo para muita gente que está nesse impasse, se sai ou não do trabalho e vai em busca de algo que o faça feliz. Vamos a história:

O Fernando cuida dos avós idosos, e desde cedo começou a trabalhar para ser o esteio da casa. Fez faculdade de administração de empresas mas não conseguiu trabalho na área, e acabou indo trabalhar com vendas em uma loja de sua cidade. Mas, vivia muito insatisfeito...

Sabendo do seu talento para decoração, uma amiga convidou-o para decorar a sua festa de aniversário, e ele mais que feliz adorou a ideia!

Mas como não tinha dinheiro para comprar materiais a amiga comprou tudo e ele entrou com a mão de obra. Fez muito com pouco, usando seu talento e criatividade, buscando informações na internet e revistas (detalhe: revistas emprestadas, pois não tinha dinheiro pra investir nem em revistas). 

O que ele não imaginava é que essa festa renderia mais que um "muito obrigada", da amiga querida.
Entre os convidados havia uma moça que iria se casar em breve, e logo quis saber quem fez a decoração de tanto bom gosto da festa. Aí começou uma primeira propaganda...

Claro que a amiga fez o contato entre eles, e logo já tinha "encaixado" mais uma festa na agenda.

Enquanto isso a pessoa que fez o bolo da festa também se interessou em fazer uma parceria com o trabalho dele. Ela faria os bolos e ele a decoração do evento, perfeito!

Bem, a festa foi um sucesso, e a amiga colocou no facebook. E pra dar "àquela forcinha" falou muito sobre como ficou lindo a decoração, e claro, quem a fez.

A partir daí, já podem imaginar no que deu né? Muitos eventos mais apareceram, e ele foi conciliando com o trabalho e investindo tudo que ganhava com as festas, em cursos e materiais de decoração. 

Como isso era feito nos finais de semana e a noite, ele não precisou de deixar o emprego durante 1 ano, até que finalmente se sentiu seguro para sair e se dedicar totalmente ao seu novo empreendimento. 

Precisou muito trabalho, dedicação e autoconfiança, além de humildade para começar com pouco e contar com as pessoas para ajudar.

Eu gostaria aqui de destacar 6 pontos muito importantes desses passos:

1-Ele sabia do que gostava (foco).

2-Coragem de correr riscos (mesmo que baixos).

3-Fazer um trabalho bem feito.

4-Fazer contatos e parceiros.

5-Divulgação nas redes sociais e outros meios.

6-investimento do que ganhou, no próprio negócio (capital de giro).

Eu particularmente, achei um ótimo exemplo e quis compartilhar com vocês, espero ter ajudado.

Gostou desse post? Compartilhe nas suas redes sociais e assine nossa newsletter para receber novidades!
Ah, deixe seu comentário pra mim, tá?!

Forte abraço!  



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário!